Vitrine de Curiosidades /20
Cachimbo Africano
Edifício de São Francisco | Sala Memórias, de 8 dezembro a 12 de janeiro
Esta peça do acervo do MAH tem a sua origem no povo Chócue da etnia Bantu, tendo sido recolhido na região do planalto central de Angola, durante a Grande Guerra (1914-18), e, com um largo número de outros objetos africanos, oferecido à Junta Geral do antigo Distrito Autónomo de Angra do Heroísmo, pelo Dr. Joaquim Corte-Real e Amaral.
Na piteira, destacam-se três figuras d’ “O Pensador” (Samanhonga), representando anciãos ou anciãs. A figura tutelar é aquela que, com os braços estendidos e as mãos sobre o cesto de divinação (Ngombo), invoca e ausculta o espírito dos antepassados. As outras duas figuras, também sentadas, numa pose introspetiva e em frente uma da outra, parecem aguardar as revelações do divinador.