Histórias de Vulto
Almirante George Sartorius

'Sir' George Rose Sartorius foi um almirante britânico, conhecido por ter comandado as forças navais ao serviço de D. Pedro IV nas lutas liberais.
Proveniente de uma família com grande tradição militar, Sartorius participou na grande batalha naval de Trafalgar, com apenas 16 anos, e teve James Weddell, futuro explorador da Antártida, na guarnição do seu navio, 'Avon'.
Mais tarde, viria a ser contratado, numa altura de algum apagamento na sua carreira militar, após o fim das guerras napoleónicos, pela ala liberal portuguesa para comandar as parcas forças navais de D. Pedro IV contra a marinha de guerra de D. Miguel. Foi nesta função e papel que comandou a esquadra que transportou dos Açores 'os 7 500 Bravos do Mindelo', designação pela qual ficaram conhecidos os homens que constituíam a força que protagonizou o “Desembarque do Mindelo”. Tal facto, valeu-lhe ser demitido da marinha real britânica, por ter sido considerado mercenário ao serviço de uma força estrangeira, embora fosse readmitido em 1836.
Viria a receber o título de visconde da Piedade, por decreto de 1 de dezembro de 1836, o de visconde de Mindelo, por decreto de 8 de Julho de 1845, e o de conde de Penha Firme, por decreto de 19 de Agosto de 1853, todos concedidos por D. Maria II.
Esta pintura integra a exposição de longa duração do MAH, 'Do Mar e da Terra... Uma História no Atlântico'.