Histórias no Feminino
Nu, de Victor Câmara

Victor Câmara (1921-1998), natural de Ponta Delgada. Caricaturista, retratista e pintor, foi aluno de Artur Viçoso May e de Domingos Rebelo. Em 1957, após uma bem sucedida exposição realizada na Sociedade Nacional de Belas Artes, fixou residência em Lisboa.
Esta sua pintura a óleo integra a Unidade de Gestão de Belas-Artes do Museu de Angra do Heroísmo.
__
'Ela está nua,
Espreita entre as cortinas e … sente vergonha,
Já esperam por ela… e sente vergonha,
Entra e deita-se … e sente vergonha,
Vão percorrer cada traço do seu corpo… e sente vergonha,
A cada olhar… ela sente vergonha,
O tempo passa e ela imóvel… sente vergonha,
O silencio é quebrado pelo som de riscos e pinceladas… e ela tem vergonha,
É linda… sabe, mas tem vergonha,
Acabou… ela volta ao seu lar e sente vergonha,
Acabou de ganhar o pão para mais uns dias… e sente vergonha,
Ela fica nua… e já não tem vergonha.'
____
Texto | in Centro de Documentação e Arquivo do Instituto Cultural de Ponta Delgada
Poema | Carmelo Amarante