Encontrar o Norte
Madre de octante

O octante é um instrumento de navegação de dupla reflexão inventado por Thomas Godfrey e John Hadley, no início da década de 30 do século XVIII. Este aparelho permitia efetuar leituras de altitudes até 90º, capacidade que fez dele uma ferramenta muito útil para a navegação astronómica no mar. O facto de ser compacto e de ter espelhos aumentava a precisão das leituras da latitude.
A inscrição incisa nesta base, “Crichton Bros. London, Made for J. Warden Liverpool” permite reconstituir parte da sua história. Os Crichton Brothers trabalharam entre 1871 e 1877, no n.º 11 da Biliter Sreet, de Londres, como fabricantes de instrumentos matemáticos, óticos e náuticos e forneciam outros vendedores deste tipo de produtos, como é o caso de John Warden, estabelecido no nº 2 de Cannning Place de Liverpool, entre 1864 e 1874, que, apesar de também fabricar instrumentos de precisão, não produzia aparelhos náuticos.
Esta peça foi integrada na Unidade de Gestão de Arqueologia do Museu de Angra do Heroísmo, na sequência de um achado fortuito na baía do Fanal.
_
In catálogo “Histórias que vêm do Mar” | 2013 [adaptado]