Caracterização Exposições Museu Aberto Informações
Eventos 2014

2017 | 2016 | 2015 | 2014 | 2013 | 2012 | 2011 | 2010
A Companhia das Ilhas e o Museu de Angra do Heroísmo convidam para o lançamento do livro
Minima Azorica. O Meu Mundo é deste Reino
Auditório do MAH, 10 de dezembro de 2014, 18h00
apresentação de Álamo Oliveira
Inauguração das exposições e-maestro e A ver a banda passar
Sala do Capítulo, 8 de nov, 15h00
Apresentação da plataforma interactiva e-maestro e visita orientada à exposição A ver a banda passar.
Inauguração da exposição António Dacosta – Um pintor do século XX
Museu de Angra do Heroísmo, 1 de nov.
18h, apresentação do livro António Dacosta – A Clarividência da Saudade de Assunção Melo.

FalARTE de Dacosta: 1988-2014 - Conferência por José Luís Porfírio.
Café Teatro
As Grandes Mulheres do Cinema e do Teatro
Auditório/bar do MAH, 27 Novembro, 21h00/23h00
Outras Músicas/Outras danças: Workshop de Hip-Hop
Auditório/bar do MAH, 22 de nov, 14h30/17h00
O HipHop é uma cultura musical de origem nova-iorquina que surge em comunidades marcadas pela pobreza, violência e exclusão e que, precisamente por isso, se afirma desde logo como um fator de intervenção social, assentando em quatro pilares essenciais: o rap, o breakdance, o djing e o graffiti.
Dando continuidade ao projeto A PAR E PASSO desenvolvido pela Caritas, no âmbito do programa Cidadania Ativa gerido pela Fundação Calouste Gulbenkian e desenvolvido em parceria com a EBS Tomás de Borba e o apoio do MAH, a Caritas e o Museu de Angra do Heroísmo desenvolvem este workshop de HipHop.
Com o mesmo, pretende-se não só dar a conhecer as particularidades desta manifestação musical, mas, sobretudo, promover os valores democráticos, a inclusão social e a sã convivência entre os jovens.
Público-alvo: crianças a partir dos 7 anos e jovens
Monitor: Rubeshe Santos
Inscrições até 21 de nov, através do telefone 295 249 800 ou do mail museu.angra.agenda@azores.gov.pt
Anedotário - Café Teatro do MAH
Auditório-bar do Museu de Angra do Heroísmo, dia 30, de Outubro, entre as 21h00 h e as 23h00
Em vésperas de Halloween, rir é o melhor remédio para afastar as bruxas!
O Grupo de Teatro A SALA convida-o a vir ao Café Teatro do MAH e a provar os seus bolinhos de boa disposição, com um cafezinho de muito humor.
FACA Terceira
Festa da Antropologia Cinema e Arte | Auditório do Museu de Angra do Heroísmo
PROJEÇÃO DE DOCUMENTÁRIOS | 25 | 26 OUT. | 15H
lSessão 1 | 25 de Outubro | Sábado | 15h | Entrada livrel
lSessão 2 | 26 de Outubro | Domingo | 15h | Entrada livre
OFICINA: CINEMA DOCUMENTAL, COM CATARINA ALVES COSTA (REALIZADORA)
24 | 25 | 26 OUT. | 18H/21H
Do Zeppelin ao Drone
11 de outubro, Auditório do MAH
O ZR-3 USS “Los Angeles”, um dirigível construído na Alemanha, na zona de Baden-Oos, foi a primeira máquina voadora a sobrevoar a Terceira. No seu voo inaugural de travessia do Atlântico, a caminho dos Estados Unidos, passou sobre Angra do Heroísmo a 13 de Outubro de 1924.
O que é exatamente um Zepellin? Porque lhe foi dado esse nome? A que fins se destinava? Porque cruzou os nossos céus?
E que dizer do Drone?
O misto de curiosidade e inquietude que o Zeppelin terá despertado nos angrenses de então, e que o tempo se encarregou de reduzir à dimensão inocentemente nostálgica, é hoje sentido relativamente ao Drone. Daí este encontro em que a memória do passado, apresentada por Francisco Maduro-Dias se cruza com a experiência presente, de Paulo Pereira, operador de imagem que, no exercício o seu desempenho profissional, recorre à manipulação de Drones.
Exposição A Par e Passo
10 a 24 de outubro, Serviço Educativo do MAH
O projeto A PAR E PASSO é uma iniciativa da Caritas da Ilha Terceira, em parceria com a EBS Tomás de Borba e o apoio do Museu de Angra do Heroísmo. Trata-se de um projeto na área da promoção dos valores democráticos, incluindo a defesa dos direitos humanos, dos direitos das minorias e da luta contra as discriminações apoiado pelas EEA Grants, no âmbito do programa Cidadania Ativa, gerido pela Fundação Calouste Gulbenkian. A exposição de pintura do projeto A PAR E PASSO é um dos produtos que resultou desta iniciativa, em que participaram alunos de diversos níveis de escolaridade da EBS Tomás de Borba, sob orientação de Maria Ana Simões. Os trabalhos apresentados pretendem refletir a visão pessoal dos participantes sobre a temática da igualdade/discriminação e são, em grande medida, uma tentativa de consciencialização para a (des) igualdade sob as mais diversas formas (social, económica, cultural, entre outras).
Café Teatro
Auditório/bar do MAH, 25 de setembro, 21h00/23h00
Com a participação do agrupamento musical Nostalgia.
Dança Oriental
30 de ago
Workshop de Dança Oriental
Auditório/bar, das 14h00 às 17h30
Espetáculo "Segredos do Médio Oriente"
Coro da Igreja de N. S.ª da Guia, 21h30

Ambientes Decorativos em Portugal e no Brasil nos séculos XVIII e XIX
3 a 5, 9 e 10 de setembro
Instituto Açoriano de Cultura
18h00/20h00
6 de setembro
Museu de Angra do Heroísmo
14h30/15h30
com visita orientada à exposição “Do Mar e da Terra… uma história no Atlântico” Inscrições até 2 de setembro através dos telefones 295 214 442 (IAC) ou 295 240 800 (MAH) ou dos e-mails iac@iac-azores.org ou museu.angra.agenda@azores.gov.pt
Realização dependente de n.º mínimo de participantes: 10
Custo de frequência: 40 euros
Programa

Alabote
26 de jul, baía de Angra ao Farol da Serreta, 14h00/18h00
Passeio de barco pelo litoral da ilha Terceira, com a participação das biólogas marinhas Carla Dâmaso e Ana Besugo (Observatório do Mar dos Açores), em que se abordará variedade de espécies marinhas existentes nos Açores e o impacto das técnicas utilizadas na sua captura. A bordo estará também o pescador profissional Vitor Freitas, que dará o seu testemunho sobre as preocupações e peripécias de quem anda na faina do mar.
Custo: 25€
Inscrição prévia até ao dia 25 através do mail museu.angra.agenda@azores.gov.pt ou do telefone 295 240 800. Inscrições limitadas a 50 participantes.
Parceiros: Peixaria Silveira, OMA
Peixes no MAH II
25 de jul, Auditório-Bar do MAH, claustro do Edifício de S. Francisco
20h30

Meros, Cachalotes, Tintureiras e outros amigáveis (des)conhecidos
Comunicação sobre os hábitos e características das espécies mais comummente avistadas nos mares dos Açores, de forma a transmitir conhecimentos básicos que conduzam à sua identificação pelo cidadão comum, pela bióloga marinha Carla Dâmaso, do Observatório do Mar dos Açores.
21h00
Degustação de Sushi e Sashimi preparados exclusivamente com peixes dos mares dos Açores
Custo: 12€50
Inscrição prévia até ao dia 10 de julho, através do mail museu.angra.agenda@azores.gov.pt ou do telefone 295 240 800.
Peixes no Museu I
12 de jul, 15h00, Auditório-Bar do MAH
Show cooking de Sushi, preparação Fresh to Go
Organização: Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, no âmbito da iniciativa Jazz com todos, integrada no programa Angra em Festa
Baterias com Sopros em Noite de Lua Cheia
Atividade realizada no âmbito do Programa de Musealização e Conservação das Peças de Artilharia pertencentes à Coleção de Militaria
do Museu de Angra do Heroísmo expostas na Reserva Florestal de Recreio do Monte Brasil.
12 de jul, Pico das Cruzinhas
21h30

Visita orientada às baterias antiaéreas, localizadas no Pico das Cruzinhas, que integraram o complexo defensivo da ilha Terceira, na II Guerra Mundial.
22h00
Concerto pela Orquestra de Sopros da Ilha Terceira
Portas Abertas
O Museu de Angra do Heroísmo abre na próxima segunda-feira, 16 de junho, as suas portas a quem queira presenciar o processo de montagem das exposições Oásis By Nuno Sá | Fotografia Subaquática e Pedra-Ilha | Escultura de Baltazar Pinheiro.
Das 9h30 às 17h00, decorrerão visitas orientadas, visando dar a conhecer a participação das várias equipas de trabalho que integram a instituição na preparação das atividades referidas. A participação nas mesmas é gratuita, mas dependente de inscrição prévia através do mail museu.angra.agenda@azores.gov.pt ou do telefone 295 240 800.
A iniciativa Portas Abertas responde ao desafio da Associação Acesso Cultura, composta por profissionais do setor da cultura, que tem como objetivo promover a melhoria da acessibilidade à oferta cultural, a nível físico, social e intelectual. Criada em 2013, a Acesso Cultura dinamiza, nos próximos dias 16 a 22 de junho, em articulação com quinze instituições culturais nacionais, vários eventos gratuitos que pretendem dar visibilidade ao trabalho de bastidores inerente às diferentes ofertas culturais.
Nerd Alert
21 de jun., 14h/22 de jun. 9h00, 22 de jun. 14h00/17h00
Campeonatos de Video Jogos Retro, Party Lan, exposição de consolas, revistas e brinquedos vintage, entre outras atividades.
Encerramento da exposição Álvaro Cunhal | Vida Pensamento e Luta: Exemplo que se Projeta na Atualidade e no Futuro
13 de jun, 18h00, Sala Dacosta
Conferência por Albano Nunes, figura da clandestinidade e dirigente histórico do PCP.
Projeção do documentário de José Guedes da Silva 1 de maio de 1975, duração c. 10 m.
Apresentação do Plano de Pormenor e Salvaguarda de Angra do Heroísmo e do Resultado da Discussão Pública
14 de jun, 15h00, Auditório do MAH
Intervenções de Paulo Mont’Alverne Sequeira, Urbanista da Câmara Municipal, e Artur Gonçalves, Diretor de Departamento da Câmara Municipal.
Organização conjunta Museu de Angra do Heroísmo/Câmara Municipal de Angra do Heroísmo
Uma cama; três casais, três vidas; um amor.
Auditório/bar, 29 de maio, 21h00
Todas as últimas quintas-feiras de cada mês o Grupo de Teatro A SALA apresenta o seu Café Teatro MAH.
Neste dia 29 de maio, a partir das 21h00 horas, venha tomar um café no auditório-bar do MAH e assista ao Café Teatro do Grupo de Teatro A SALA, em que será apresentado Uma cama; três casais, três vidas; um amor.
Não fique em casa. Também há queijadas e muitos sorrisos doces!
Angra do Heroísmo: Que Futuro para a Cidade Património Mundial?
Auditório, 31 maio, 15h00
Nuno Lopes, Diretor Regional da Cultura
Reflexão sobre a situação contemporânea de Angra do Heroísmo, enquanto Património Mundial, e as perspetivas futuras que se lhe colocam, designadamente do ponto de vista da Administração Regional.
XXVI Encontro de Coros da Ilha Terceira
Igreja de N. Sra. da Guia, 24 maio 20h30
Gestão Patrimonial: Angra e o Sismo de 80
24 de maio, 15h, sala do Capítulo
Reflexão sobre o esforço da Administração Regional em resposta ao sismo de 1 de janeiro de 80, em especial no caso de Angra do Heroísmo e da sua Zona Central, bem como sobre o impacto do terramoto numa situação nova de autonomia e governação próprias, por Jorge Forjaz.
Reflexão sobre a gestão de Angra do Heroísmo, enquanto bem cultural classificado, após a sua inclusão na Lista da UNESCO, mormente no que respeita à criação e institucionalização do Gabinete da Zona Classificada, por Francisco Maduro-Dias.
Noite Europeia dos Museu e Dia Internacional dos Museus
17 e 18 de maio
Museus de todo o mundo unem-se no objetivo comum de celebrar os Museus, oferecendo um programa diversificado e criativo e convidando todos a usufruírem de uma oferta cultural que este ano privilegia o papel das coleções, consideradas testemunhos da história do homem e criadoras de ligações afetivas com a comunidade, através da memória coletiva.
Viajar pela Imagem VI:
Ilhas de Portugal (Selvagens, Desertas, Madeira, Açores e Berlengas) - fotografia e vídeo de Paulo Henrique Silva
10 de maio, 15h00, sala do Capítulo
Apresentação de registos dos aspetos naturais das ilhas portuguesas com dimensão arquipelágica, em suporte fotográfico, vídeo e áudio, que, a par da sua dimensão estética, constituem uma ferramenta importante para o conhecimento, promoção ambiental e monitorização da vida selvagem terrestre dependente dos oceanos.
Às Vezes Neva em Abril
de João Santos Lopes, pelo Grupo de Teatro A SALA, grupo de teatro residente do Museu de Angra do Heroísmo
Museu de Angra, 24 de abril, 21h30
No âmbito das Comemorações do 25 de Abril, do Município de Angra do Heroísmo e da Temporada de Teatro de 2014

Com encenação de Luís Carvalho e com a assistência da encenação a cargo de Eduarda Reis, a peça conta com as interpretações de Hugo Bernardo, Hugo Silva, José Luís Neto, Pedro Cravo Fernandes, Ricarda Mendonça e Rui Manuel Rosa.

SINOPSE
“A minha opinião é que em Portugal, se há assuntos que são claramente tabus, um é a questão da guerra colonial. Ninguém fala sobre a guerra colonial ou, quando se fala, fala-se sempre de forma deturpada. O peso da guerra de África é muito forte. Aquela ideia de que os Portugueses são um povo de brandos costumes tem sido muito alimentada. Nós não somos realmente um povo de brandos costumes. Nunca tivemos foi aqui na nossa sociedade dinâmicas de desenvolvimento capitalista suficientemente intensas que gerassem uma filosofia individualista forte. É devido à ausência dessa filosofia que não atingimos ainda níveis de tensão racial tão agudos como se verifica nos países mais desenvolvidos.” (João Santos Lopes, autor de “Às vezes Neva em Abril”) Continuará a ser assim por muito mais tempo? 40 anos depois, esta é a pergunta que pretendemos ver respondida, em jeito de provocação!
Workshop Funaná
26 abril, Auditório/Bar
O ritmo de Cabo Verde regressa ao Museu de Angra do Heroísmo neste workshop, em que se aprenderão os primeiros passos do Funaná.
CELEBRAÇÃO DO DIA INTERNACIONAL DOS MONUMENTOS E SÍTIOS
Viajar pela Imagem V: projeção comentada do «Documentário Terceirense»
12 de abril, 15h00, Sala do Capítulo
Realizado por António Luís Lourenço da Costa, em 1927, e apresentado pela primeira vez, nesse mesmo ano, em Angra do Heroísmo por iniciativa da empresa Foto-Cinema Açores, esta fita anunciada na imprensa local de então como o primeiro filme açoriano, compreende um conjunto de quadros em que as imagens animadas procuravam reter a vida da cidade, as suas figuras e as suas gentes, os seus hábitos e as suas pequenas histórias.
Programa de dinamização da exposição Património Mundial | do Mundo a Angra do Heroísmo
Temporada Artística 2014
Concerto de Órgão por Isabel Albergaria
13 de abr., 20h, Igreja de N. Sra. da Guia
Viajar pela Imagem IV: Biodiversidade dos Ambientes Costeiros
5 de abril, 15h00, Sala do Capítulo
Apresentação comentada de fotografias realizadas no âmbito do concurso fotográfico RAVE: Biodiversidade dos Ambientes Costeiros, organizado pelo Centro Regional de Educação e Investigação Associado à Sustentabilidade dos Açores e pelo Grupo da Biodiversidade da Universidade dos Açores. Esta iniciativa visou combinar a abordagem estética dos fotógrafos com o saber e experiência científicos dos organizadores, de forma a obter as perceções do público da ilha Terceira sobre a biodiversidade dos ambientes costeiros e a garantir uma melhor integração de conhecimentos que leve à promoção da biodiversidade local.
Parceria: Centro Regional de Educação e Investigação Associado à Sustentabilidade dos Açores e Grupo da Biodiversidade da Universidade dos Açores
Programa de dinamização da exposição Património Mundial | do Mundo a Angra do Heroísmo
A tia Jerónima visita o Museu
30 de março, 15h30
Sala Schneider-Canet, Reserva Visitável de Transportes de Tração Animal dos Séculos XVIII e XIX e exposição Do Mar e da Terra… uma história no Atlântico.
Café Teatro Esta noite não há música pelo Grupo de Teatro Experimental L.C., Sem Companhia
Coro da Igreja Nª Sª da Guia, 27 mar, 21h. Dia Mundial do Teatro, 29 mar 15h
Inauguração da exposição Álvaro Cunhal - Vida Pensamento e Luta
Sala Dacosta, 28 mar 18h
Café Teatro Esta noite não há música pelo Grupo de Teatro Experimental L.C., Sem Companhia
Coro da Igreja Nª Sª da Guia, 27 mar, 21h. Dia Mundial do Teatro, 29 mar 15h
Inauguração da exposição Edifício de S. Francisco | Memórias
30 mar, 15h
A tia Jerónima visita o Museu
30 mar, 15h30
Viajar pela Imagem | Fotografia de Margarida Quinteiro
Sala do Capítulo, 8 de mar, 15h00
Mostra de fotografias de Margarida Quinteiro, que documentam vivências de viagens ao Tibete, China e Namíbia.
Samba-se no MAH
Dia 22, sábado, 14h00 / 17h00
Workshop orientado pelo formador Emanuel Rodrigues. Inscrições até ao dia 20 do presente mês, através do telefone 295 240 800 ou do e-mail museu.angra.agenda@azores.gov.pt. Custo de inscrição: 10€
Dia 23, domingo, a partir das 15h00
Tarde dançante com a participação de Claudiana Cau e Pingo Grapiuna.
Serviço de bar Entrada: 5€
Viajar pela Imagem | Fotografia de Rui Caria
Sala do Capítulo, 8 de fev, 15h00
Mostra de fotografias de Rui Caria, que documentam vivências urbanas em grandes centros cosmopolitas, comentadas pelo autor.
   
2007 © Museu de Angra do Heroísmo. Todos os direitos reservados. Última actualização a 2017-07-16